terça-feira, 30 de outubro de 2012

AJUDE O JARDIM BOTÂNICO: VOTE projecto 227


Últimos dias de Votação OP

Faltam apenas dois dias para os cidadãos escolheram os projetos que consideram mais prioritários para a cidade. 

A votação deste ano já conta com mais de vinte e dois mil votos, resultantes da participação dos cidadãos que votaram diretamente no portal da Participação Lisboa Participa ou nas Assembleias de voto que, durante este mês, decorreram em diferentes freguesias de Lisboa.

A última Assembleia de Voto realiza-se dia 30 de outubro, na Junta de Freguesia das Mercês, entre as 10h e as 17h00.

Se ainda não votou, aproveite até dia 31 de Outubro para o fazer.

E porque Lisboa é de todos, todos têm uma palavra a dizer.

Vote, Lisboa agradece!

AJUDE O JARDIM BOTÂNICO E VOTE NO PROJECTO Nº 227, UM PROJECTO QUE PREVÊ OBRAS DE REABILITAÇÃO. Para mais informações e de como votar: http://vota227.ul.pt

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

«Plantas raras nas estufas da Escola Politécnica»




Título: "'Nepenthes', orquídea carnívora: as folhas contraem-se quando qualquer insecto pousa nelas, asfixiando-o" 
Imagem integrada na reportagem "Plantas raras nas estufas da Escola Politécnica".
Ilustração Portuguesa. Lisboa: Empresa do Jornal O Século. N.º 70 (24/06/1907), p. 794.

Autor: Joshua Benoliel. Fonte: Torre do Tombo
Nota: Agradecemos a Maria João Torgal a descoberta e envio desta imagem.

domingo, 28 de outubro de 2012

«Câmara retirou reclamo ilegal nove meses depois de ter ordenado a remoção»


Finalmente, justiça! Finalmente a defesa do Jardim Botânico sem compromissos! Este reclamo ilegal, que ostensivamente rodava há mais de dois anos na Zona Especial de Protecção do Jardim Botânico, foi retirado ontem, coercivamente, pela CML. Ainda vivemos num país de Direito, com leis para cumprir. A Liga dos Amigos do Jardim Botânico teve um papel determinante neste assunto: primeiro denunciando a situação e depois pressionando a CML para que a legalidade fosse reposta de modo a salvaguardar os valores patrimoniais envolvidos. Afinal, o nosso Jardim Botânico é um Monumento Nacional, por Decreto Lei aprovado pelo Parlamento da República Portuguesa. Mas durante 2 anos todos questionávamos se não estariamos numa "República das Bananas".

Ver artigo de hoje no jornal Público pelo jornalista António Cerejo:

«Câmara retirou reclamo ilegal nove meses depois de ter ordenado a remoção»

«Reclamo rotativo colocado ilegalmente no topo do Hotel Vintage há dois anos foi agora removido coercivamente.»

«Plantas raras nas estufas da Escola Politécnica»


Título: 'Platycerios', fetos de frondes inteiras, lobadas, originários da Austrália; o exemplo maior, de folhagem verde-amarelada, é notabilíssimo".
Imagem integrada, com legenda colectiva, na reportagem "Plantas raras nas estufas da Escola Politécnica".
Ilustração Portuguesa. Lisboa: Empresa do Jornal O Século. N.º 70 (24/06/1907), p. [793].

Autor: Joshua Benoliel. Fonte: Torre do Tombo
Nota: Agradecemos a Maria João Torgal a descoberta e envio desta imagem.

Câmara retirou reclamo ilegal nove meses depois de ter ordenado a remoção

Câmara retirou reclamo ilegal nove meses depois de ter ordenado a remoção

Por José António Cerejo in Público, 28 Setembro 2012

Reclamo rotativo colocado ilegalmente no topo do Hotel Vintage há dois anos foi agora removido coercivamente

A Câmara de Lisboa procedeu anteontem à remoção coerciva de um reclamo luminoso, rotativo e de grandes dimensões, instalado ilegalmente, há vários anos, na cobertura do Hotel Vintage, ao alto da Rua do Salitre. O despacho que ordenou a retirada do dispositivo foi assinado pelo vereador José Sá Fernandes, a 28 de Setembro, oito meses depois de o próprio ter concedido 30 dias aos proprietários do hotel para o fazerem voluntariamente.

Apesar do incumprimento dos donos do hotel (grupo Carlos Saraiva), a câmara só agora decidiu, passados oito meses e após insistentes protestos da Liga dos Amigos do Jardim Botânico e do Fórum Cidadania, fazer cumprir a ordem emitida 24 de Janeiro deste ano.

O grupo Carlos Saraiva detém numerosas empresas hoteleiras e imobiliárias, grande parte delas em processo de insolvência e com centenas de funcionários despedidos e com salários em atraso, e tinha entre os seus administradores a antiga vereadora do Urbanismo da Câmara de Lisboa Margarida Magalhães e o antigo chefe de gabinete de João Soares, quando este era presidente da autarquia, Tomás Vasques.

O reclamo agora retirado foi colocado no topo do edifício em 2010 sem qualquer autorização camarária, apesar de esta ser exigida por lei e de o imóvel se situar na zona de protecção do Jardim Botânico - sítio classificado como monumento nacional. Posteriormente à sua instalação, a empresa requereu à câmara a respectiva licença, a qual foi indeferida com base nos pareceres negativos da Direcção Regional de Cultura. Mais tarde conseguiu que a autarquia aprovasse um reclamo mais pequeno e não rotativo (ignorando um novo parecer negativo da Cultura), mas nunca de lá retirou o que tinha colocado inicialmente.

sábado, 20 de outubro de 2012

Festa do WATCH DAY 2012 no Jardim Botânico II






A festa do Watch Day foi encerrada com a plantação de uma Metasequoia no Arboreto pelo Prof. Doutor José Pedro Sousa Dias, Presidente do MNHNC/Jardim Botânico. O nosso especial agradecimento também para os funcionários do Jardim Botânico, Carlos Fazendeiro e Victor Carvalho que executaram a montagem dos paineis da exposição em pouco mais de 48 horas!

Festa do WATCH DAY no Jardim Botânico I










Imagens do WATCH DAY no Jardim Botânico no passado sábado dia 13 de Outubro: visitas guiadas à exposição 2012 WATCH do World Monuments Fund e «Eco-Bazar» com bancadas da LAJB, QUERCUS e GECORPA. A todos os que colaboraram nesta festa, o nosso muito obrigado! Mas a LAJB deve um agradecimneto especial à Dra. Alexandra Escudeiro pela preciosa ajuda na organização deste dia. A exposição no jardim estará disponível até ao final de 2012. E estamos a planear mais um «Eco-Bazar» no mês de Novembro. Visite o Jardim Botânico!

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

WATCH DAY 2012 NO JARDIM BOTÂNICO!

10:00H - Recepção (entrada do Jardim Botânico)
10:30H - Inauguração da exposição Watch 2012 com visita guiada
12:00H - Inauguração do Eco-Bazar
15:00H Visita guiada à exposição Watch 2012
16:30H - plantação de uma Metasequoia

Iniciativa e organização: Liga dos Amigos do Jardim Botânico (LAJB) e World Monuments Fund (WMF), em colaboração com o Museu Nacional de História Natural e da Ciência (MNHNC) / Jardim Botânico.

Esta jornada contará com a presença do Prof. Doutor J. P. Sousa Dias, Presidente do Conselho Directivo do MNHNC.

Convidamos todos a participar nesta festa que vai celebrar não só o nosso monumento mas também muitos outros espalhados pelos quatro cantos do planeta e que precisam da solidariedade de todos nós. Para mais informações visite: www.wmf.org


segunda-feira, 8 de outubro de 2012

VERTIGO FARMING: o exemplo de NY

Vertigo Farming: Eco-savvy food lovers demand locally grown edibles to ensure freshness and reduce the carbon footprint of their food. Eating sustainably whilst living in a densely packed metropolis isn't easy, but Brooklyn Grange Rooftop Farm is making it possible for New York City dwellers. Its farm - over 40,000 square feet of rooftop agricultural land - grows tomatoes, herbs, greens and other vegetables according to organic, planet-friendly principles and sells them to local people and businesses. An urban green space, the Rooftop Farm also enhances the environment, improving air quality, cutting the heat island effect and providing a habitat for bees, butterflies and other insects.

sexta-feira, 5 de outubro de 2012